História do clube

Formiga Esporte Clube: 90 anos de glória.

Fundado em 17 de março de 1929 na cidade de Formiga Minas Gerais, o Formiga Esporte Clube  foi um dos primeiros times do interior do estado a enfrentar equipes de categoria como: Clube Atlético MineiroClube de Regatas Vasco da GamaClube de Regatas do Flamengo e Botafogo Football Club, que tinham os maiores craques da época. 
No ano de 1950, o FEC conquistou um de seus maiores títulos: o de Campeão dos Campeões do Interior. No ano 1964, o presidente Lubélio Laudares de Oliveira começou a pensar em tornar o FEC um time profissional e disputar campeonatos a nível regional.

Em 1965, apesar das dificuldades, o Formiga conseguiu chegar a final da segunda divisão. O FEC jogou a final do torneio contra Companhia Ferro Brasileiro, onde venceu e subiu para a primeira divisão. Em 1966, começou a disputar o campeonato mineiro da primeira divisão.

No Ano de 1967, o FEC fez uma excelente campanha, sendo considerado um dos times mais fortes de Minas. Neste ano o Formiga se tornou "Campeão do Interior", ficando na quarta colocação no Campeonato Mineiro, ficando atrás de apenas Cruzeiro, Atlético e América. O Time do FEC fez uma excelente campanha, tendo um aproveitamento de 45,45%, com 6 vitórias, 8 empates e 8 derrotas. O Ataque do FEC também fez bonito, fazendo 28 gols na competição.

O FEC também conseguiu grandes feitos; o primeiro foi empatar com o Clube Atlético Mineiro em pleno Mineirão, e o segundo foi empatar com o América no Juca Pedro.  Terminou a primeira fase como vice-líder invicto, ganhando do América e empatando com Atlético e Cruzeiro (no lendário 2 a 2, sendo que Cristovão e Sudaco marcaram pelo Formiga e Tostão descontou para o Cruzeiro).

O lendário e tradicional Formigão 68, ficou conhecido pela campanha que fez neste ano; apesar de não ser campeão do interior, pois o Uberlândia acabou na frente do FEC, que acabou em 4° Lugar, atrás de Cruzeiro, Atlético e o próprio Uberlândia. Nesta equipe tinham grandes jogadores como Lentine, Cristóvão, Adinan, Sudaco, Canhoto, Coutinho, Zé Horta, Hali, Darci Crespo, entre outros. O FEC terminou a 1ª Fase como vice-líder invicto, ganhado do América e empatando com Atlético e Cruzeiro (no marcante 2 a 2, Cristóvão e Sudaco marcaram pelo FEC e Tostão descontou para o Cruzeiro).   Abaixo estão fotos do ime da década de 40  e do glorioso Formigão 68.                                                                                         

              

                                           

                                                

                                                  

                                                                                    

​Em 2007, o FEC não alcançou a elite do futebol mineiro por apenas um gol de saldo, terminando a competição em terceiro lugar, sob o comando de Frederico Incalado (que foi auxiliar do técnico Brandão em 2010).

Na disputa do Campeonato Mineiro do Módulo II de 2008 e 2009, o FEC teve o vice artilheiro, o atacante Yan, que marcou 12 gols, o clube terminou a competição em 5º lugar.

Em 2010, a campanha da primeira fase foi um sucesso: invicto, o FEC fez 18 pontos em oito jogos, tendo o melhor aproveitamento (75%) da competição, e terminou como o primeiro colocado do grupo B, detentor do melhor ataque (18 gols feitos) e da melhor defesa (apenas 4 gols sofridos).

No ano de 2011, o sonho foi retomado, mesmo com pouco apoio e incentivo, o FEC decidiu encarar novamente o desafio. Em 2015 o time fez também uma boa campanha no campeonato.

                

 

 

 

 

​​​

 

 

Principais Conquistas: 

Campeonato Mineiro da Segunda Divisão: 1965

Campeão do Interior da Primeira Divisão 1967

Campeão dos Campeões do Interior: 1950